A Marca dos Falsos Pastores de Nosso Tempo

Como a ganância leva os sacerdotes a preferir um mandamento de Deus (Dízimo) e rebaixar outros (Sábado, Alimentação Correta) levando todo o povo ao pecado.

Muita Grana

O profeta Oséias olhando a situação dos falsos líderes religiosos de seu tempo e inspirado, falando em nome de Deus, declarou:

O meu povo está sendo destruído porque lhe falta o conhecimento. Porque tu sacerdote, rejeitaste o conhecimento, também eu te rejeitarei para que não sejas sacerdote diante de mim, visto que esqueceste da Lei do teu Deus, também eu me esquecerei dos teus filhos. Emboca a trombeta (para a guerra)…porque transgrediram a minha aliança e se rebelaram contra a minha lei. Oséias 4:8 e 8:1.

Ora, o que Deus disse na antiguidade, se aplica como uma profecia perfeitamente ao nosso tempo. Mais de 90% dos sacerdotes atuais, sejam Padres ou Pastores, seja por erro ou ignorância das sagradas escrituras ou até mesmo conscientemente se colocam contra algum dos mandamentos de Deus, fazendo o papel de anticristo. (Daniel 7:25).

Até mesmo Jesus declarou que seria assim:

Nem todo aquele o que me diz: Senhor, Senhor! entrará no reino dos céus, mas todo aquele que faz a vontade de meu Pai que estás no céus. Muitos naquele dia dirão: Senhor, Senhor! Porventura não temos nós profetizado em seu nome e em teu nome não expelimos demônios e não fizemos muitas maravilhas?

Então lhes direi explicitamente: nunca vos conheci, apartai-vos de mim os que cometem a iniquidade! Mateus 7:21-23.

Nesta passagem vemos que profetizar ou explicar a palavra e expelir demônios são funções sacerdotais. As maravilhas que eles mencionam seriam obras que os levam a serem amados pelas multidões. Mas de nada isto adianta porque eles cometem o pecado (iniqüidade) e o pecado é a transgressão da Lei de Deus (I João 3:4). Que Lei é essa senão a Lei escrita de Deus, os 10 mandamentos? (Êxodo 20).

Assim, estes pastores são rejeitados porque quebram e ensinam os outros a quebrarem normas claras da lei de Deus, tipificadas nos 10 mandamentos. Veja o que Jesus disse dos falsos líderes:

E em vão me adoram ensinando doutrinas que são mandamentos de homens… invalidando a Palavra de Deus por causa de vossa tradição e fazeis muitas coisas semelhantes. Marcos 7:6-13.

E ainda Jesus acrescenta uma marca fundamental dos falsos pastores:

Ai de vós quando vos louvarem! porque assim, procederam seus pais com os falsos profetas. Lucas 6:26.

De fato, vá até Êxodo capítulo 20 na sua Bíblia e leia os 10 mandamentos. Pronto? Já leu? Agora responda: quantos líderes você conhece que os ensina como estão na Bíblia? O seu Pastor, o seu Padre lhe ensina a guardar o santo Sábado do Senhor (Êxodo 20:8-11)?

É por isso que Oséias declarou que Deus abandonará seus sacerdotes! Porque quase todos jazem em pecado e rejeitam escutar a sua Palavra! Ezequiel mostra o terrível fim dos falsos pastores. Ele afirma que no Dia da Volta de Jesus, a matança começará pela Casa de Deus, ou seja, a Igreja, e todos os que não tiverem o Sinal de Deus serão mortos, incluindo mulheres, crianças, virgens, velhos e líderes religiosos (Ezequiel 9:4-7).

Você pode ler sobre a Marca de Deus e a Marca da Besta clicando aqui e poderá decidir qual marca vai receber, a que leva para a vida ou a que leva para a morte.

Assim, a marca dos falsos mestres de nosso tempo é a rejeição dos mandamentos de Deus e a instituição de uma forma de culto que Deus não pode aceitar. E como Jesus mesmo confirmou (Lucas 6:26) estes líderes são louvados pelo povo, são pessoas populares! Isto acontece porque não pregam contra o pecado (e a favor da lei de Deus) senão seriam odiados como o próprio Jesus e os verdadeiros profetas foram. Pois todos os verdadeiros cristãos são perseguidos!

“Por isso a Terra será destruída, porque os seus moradores transgridem a lei, violam os estatutos e quebram a aliança ETERNA”. Isaías 24:1-5.

Algo curioso, que já ocorreu na época de Paulo é levantar um mandamento de Deus acima de todos os outros. Veja o que Paulo falou:

Porque convém que o bispo seja irrepreensível, como despenseiro da casa de Deus, não soberbo, nem iracundo, nem dado ao vinho, nem espancador, nem cobiçoso de torpe ganância. Tito 1:7.

E Pedro acrescentou: Apascentai o rebanho de Deus, que está entre vós, tendo cuidado dele, não por força, mas voluntariamente; nem por torpe ganância, mas de ânimo pronto. I Pedro 5:2

E que mandamento que os falsos líderes amam acima de todos senão o santo Dízimo?

Diz o Profeta Malaquias: Roubará o homem a Deus? Todavia vós me roubais e dizeis: Em que te roubamos? Nos dízimos e nas ofertas. Com maldição são amldiçoados porque a mim me roubais, a NAÇÃO TODA. Trazei todos os dízimos a casa do tesouro (e vereis se não derramo bençãos sem limites…) Malaquias 3:7-12.

Jesus confirmou o santo Dízimo: Ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas! pois que dizimais a hortelã, o endro e o cominho, e desprezais o mais importante da lei, o juízo, a misericórdia e a fé; deveis, porém, fazer estas coisas, e não omitir aquelas. Mateus 23:23, Lucas 11:42.

Certamente o santo dízimo está em vigor, não é nosso objetivo questioná-lo, mas mostrar o apego que os falsos mestres tem por esse mandamento, enquanto negligenciam normas que naturalmente são mais elevadas por fazerem parte dos 10 mandamentos! O dízimo é uma norma que surge de forma oral e permanece assim até que a Torá e Jesus, o Filho Eterno, o confirmaram, tornando-o escrito. Não entrou em nenhum código especial, não foi escrito em Pedra e colocado dentro da ARCA DA ALIANÇA como os 10 mandamentos (Êxodo 20).

Os fariseus hipócritas de hoje não se esquecem do dízimo cujo fundamento está no antigo testamento, remontando os dias de Abraão, mas se esquecem do sábado, cujo fundamento é mais antigo ainda, remontando o Éden (Genesis 2:1-3)

Já que mencionei acima, vc conhece as leis alimentares que Deus fez para cuidar da saúde de seu povo santo? Estão lá em Levítico 11 e Deuteronômio 14. Provavelmente você não as conhece, porque não convém aos pastores perderem o tempo do sermão do dízimo, com coisas que não trarão lucro especial!

Agora que você já sabe como identificar um Falso profeta, FIQUE DE OLHO! E tome cuidado para você também não se rebelar contra a Lei de Deus e também se tornar um propagador do erro!

Disse Jesus: Se me amais, guardareis os meus mandamentos. João 14:15.

Ver também I João 2:3-4: E nisto sabemos que o conhecemos: se guardarmos os seus mandamentos. Aquele que diz: Eu conheço-o, e não guarda os seus mandamentos, é mentiroso, e nele não está a verdade.

Lembrando que os mandamentos de Jesus são os mandamentos do Pai. Eles são UM e Jesus nos assevera que sempre guardou os mandamentos do Pai. (ver João 15:10)

Meu desejo é que todos cheguem ao pleno conhecimento da verdade e se desliguem da influência dos falsos mestres.

Seguir a Jesus é seguir o que diz sua palavra. Se vc o ama, o siga-o agora mesmo! Passe a guardar seu santo sábado, suas leis de alimentação e seja feliz!

About these ads
Esse post foi publicado em Artigos Adventistas, Catolicismo pela Luz da Bíblia, Protestantismo Decaído e marcado , . Guardar link permanente.

7 respostas para A Marca dos Falsos Pastores de Nosso Tempo

  1. Roberto Brino disse:

    É, creio que tenho que estudar mais. A igreja não fez nada no mundo, e tudo o que fez e continua a fazer está errado. Está presente no mundo desde o Primeiro século, está em todos os paises, prega a palavra de Deus em todos os cantos como pediu Jesus. O pouco que as outras religiões sabem foi a católica que os ensinou. No Brasil desde 1535 com José de Anchieta a católica está presente. Onde estavam as outras religiões? Que mensagem tem dado estas igrejas para evitar as guerras e pregar a paz no mundo?
    Ao inves de falar do sacerdotes, dividindo os cristãos, porque não pregam a palavra de Deus a quem não conhecem? só para refletir.
    Jesus disse que num domingo se o seu boi atolar você não iria tira-lo? Domingo é 1 dia da semana, deve ser dedicado a Deus em primeiro lugar.
    saudações Cristãs.

  2. Alexandro disse:

    Roberto, Jesus nunca disse isso. Onde está a passagem que Jesus fala do domingo? Ela não existe. Não existe a guarda dominical na Bíblia. Abraços.

  3. JOSE PEREIRA DE MOERAES JR disse:

    OS DEZ MANDAMENTOS: (vale o do Exodo ?) olha aí:
    A LEI MORAL E A LEI CERIMONIAL

    Encontramos às vezes pessoas perplexas sobre certas declarações que se encontram nas Sagradas Escrituras sobre a lei de Deus. Existem textos que declaram positivamente que a lei de Deus é eterna, que se não pode mudar, e que todos devem obedecer-lhe. Ora, também outros textos existem que parecem significar que a lei foi dada por um determinado tempo apenas, que se havia de mudar, e que não nos encontramos agora na obrigação de obedecer-lhe. Estas declarações parecem causar confusão no espírito de certas pessoas; mas a Palavra de Deus é verdadeira, e nela não há contradições. O que nos dá essa impressão, deve ser apenas falta de boa compreensão de nossa parte. Podemos ser sinceros em nossa opinião, e todavia enganar-nos por falta de perfeita compreensão do assunto.
    A Bíblia é a Palavra viva. São as palavras do Deus vivo, dadas por intermédio do homem. Trata das realidades eternas. Encontram-se nela alturas e profundidades além da compreensão da mente finita do homem. Mas esse mesmo fato não é senão outra evidência de que ela é de Deus. Quando se nos deparam aí aparentes contradições, devemos estudar cuidadosamente o assunto e, com humildade, buscar o auxílio do Senhor para compreendê-lo, e o Espírito Santo nos esclarecerá a mente. Nesse breve estudo que vamos fazer da lei de Deus, temos esperança de poder auxiliar algumas almas sinceras de modo a que sejam iluminadas naquilo que lhes possa haver parecido antes obscuro.
    Um estudo atendo das Santas Escrituras revelará que na Palavra de Deus se acham mencionadas várias leis. Uma destas é denominada a lei de Deus, os Dez Mandamentos, ou a lei moral. Outra é a lei dos sacrifícios e ofertas, à qual chamamos lei cerimonial, e que é muitas vezes chamada a lei de Moisés. Ainda outra é a lei civil dos judeus, isto é, a lei nacional deles, da mesma maneira que todos os países têm suas leis para reger os súditos. Outras leis são mencionadas, mas no presente estudo limitar-nos-emos às duas principais.
    Estas duas leis são inteiramente diversas, e observaremos algumas das distinções que se fazem entre elas. Faríamos de certo mau uso das Escrituras, se apanhássemos os textos que se referem a uma dessas leis, e os aplicássemos à outra. Imaginai que eu tivesse dois pedaços de pano em minha secretaria; um deles, branco e limpo, e outro escuro e sujo. Nem todas as declarações que se fizessem de um se poderiam aplicar ao outro. Alguma coisa se poderia dizer de ambos, mas aplicar tudo que se dissesse unicamente a um, trar-nos-ia certamente confusão e dificuldade. O mesmo se dá com as duas leis. Temos de fazer entre elas a mesma distinção que a Palavra de Deus faz ou nos veremos em dificuldade, sendo levados a pensar que há contradições nas Escrituras.
    A lei moral, os Dez Mandamentos, chamamos Lei de Deus. Essa lei vem da eternidade. Los princípios dessa lei são a base do governo de Deus. São imutáveis como o trono de Jeová. A lei é por natureza industrutível, adaptando-se ao governo de seres morais responsáveis em todos os séculos, em todo o universo de Deus. Nem um mandamento pode ser tirado do Decálogo. Permanece, todo ele, irrevogado, e assim permanecerá para sempre. Essa lei não pode ser ab-rogada, nem por homens na Terra, nem por seres no Céu. Nem, mesmo seu Autor – com reverência o dizemos – a pode ab-rogar, a menos que mudasse Sua natureza, e a forma de Seu governo. Disse Jesus: “É mais fácil passar o céu e a Terra do que cair um til da lei.” Lucas 16:17. Deus ordena aos homens em toda parte que obedeçam a essa lei. Ele diz: “De tudo o que se tem ouvido, o fim é: Teme a Deus, e guarda os Seus mandamentos; porque este é o dever de todo o homem.” Eclesiastes 13:13. Jamais houve tempo, nem nunca há de vir, em que seja direito que criaturas responsáveis, quer sejam homens, quer anjos, mintam, matem ou roubem, ou façam qualquer coisa proibida pela lei. Essa lei permanece para sempre.
    O mesmo não se dá com a lei cerimonial, frequentemente chamada a lei de Moisés. Veio a existir depois da queda do homem. Essa lei “consistindo somente em manjares e bebidas, e várias abluções e justificações da carne” e sacrifícios, destinava-se a chamar a atenção para a primeira vinda de Jesus; e em vindo Ele passou, pois Nele teve seu cumprimento. Aí se encontraram o tipo e o antítipo; a sombra encontrou o corpo. Quando Cristo, o Cordeiro de Deus, morreu na cruz, “o véu do templo se rasgou em dois, de alto a baixo.” Mat. 27:51. Os serviços do templo deixaram então de ter lugar. O sistema sacrifical cessou, e a lei que a ele pertencia deixou de existir. Foi cravada na cruz, roscada; Colossensses 2:14 . Foi dada para satisfazer condições temporárias, locais, e uma vez que essas condições mudaram em virtude da entrada em nova dispensação, os estatutos cerimoniais não tinham mais razão de ser.
    A fim de que ninguém fique em confusão quanto às duas leis, em suas relações mútuas, fazemos a seguinte comparação entre elas. Ver-se-á que a distinção existente entre os dois sistemas é muito saliente, e que os textos que se referem a um, não devem ser confundidos com os textos que têm referência a outro. Devemos estudar com cuidado estes textos, e havemos de evitar aparentes contradições e confusão.

    A seguir vamos fazer duas séries de citações:
    A primeira série refere-se à Lei Moral ou os Dez Mandamentos.
    A segunda série refere-se à Lei Cerimonial ou Lei de Moisés
    - Haverá uma equivalência numérica entre as duas séries. Por exemplo: o número 1 da primeira série deverá contrapor-se ao número 1 da segunda série, o número 2 contrapor-se ao número 2, e assim por diante, para ser feitas análises e chegar-se à conclusão correta :

    Primeira série, Lei Moral – Os Dez Mandamentos:

    1 – É denominada a lei do Senhor:
    “Tem o seu prazer na lei do Senhor, e na Sua lei medita de dia e de noite.” – Salmo 1:2.
    “A lei do Senhor é perfeita, e refrigera a alma.” – Salmo 19:7.

    2 – É chamada a lei real:
    “Se cumprirdes, conforme a Escritura, a lei real: Amarás a teu próximo como a ti mesmo, bem fazeis.” – Tiago 2:8

    3 – Existia antes da queda do homem:
    “Onde não há lei também não há transgressão.” Romanos 4:15.
    “Como por um homem entrou o pecado no mundo, e pelo pecado a morte, assim também a morte passou a todos os homens por isso que todos pecaram… mas o pecado não é imputado não havendo lei.” – Romanos 5:12-13.

    4 – Foi falada pelo Senhor:
    “Então o Senhor vos falou do meio do fogo… Então vos anunciou Ele o Seu concerto, que vos prescreveu, os Dez Mandamentos, e os escreveu em duas tábuas de pedra.” – Deuterenômio 4:44 – 45.

    5- Foi escrita pelo dedo de Deus.
    “E aquelas tábuas eram obra de Deus; também a escritura era a mesma escritura de Deus, esculpida nas tábuas.” Exodo 32:16
    “E deu a Moisés… duas tábuas do testemunho, tábuas de pedra, escritas com o dedo de Deus.” Exodo 31:18

    6- Foi escrita em tábuas de pedra.
    “E deu Moisés… duas tábuas do testemunho, tábuas de pedra, escritas com o dedo de Deus.” Exoso 31:18

    7- Foi colocada na arca.
    “E virei-me e desci do monte, e pus as tábuas na arca que fizera: e ali estão, como o Senhor me ordenou.” Deuteronômio 10:5

    8- É uma lei perfeita.
    “A lei do Senhor é perfeita, e refrigera a alma.” Salmo 19:7

    9- É uma lei eterna.
    “Em verdade vos digo que, até que o céu e a Terra passem, nem um jota ou til se omitirá da lei, sem que tudo seja cumprido.” Mat.5:18

    10- É santa, justa e boa.
    “Assim a lei é santa, e o mandamento santo, justo e bom.” Rom.7:12
    “O mandamento do Senhor é puro, e alumia os olhos.” Salmo 19:8

    11- É uma lei espiritual.
    “Porque bem sabemos que a lei é espiritual: mas eu sou carnal, vendido sob o pecado.” Rom. 7:14

    12 – É uma lei que dá prazer.
    “Porque, segundo o homem interior, tenho prazer na lei de Deus.” Rom.7:22
    “Oh! Quanto amo a Tua lei! É a minha meditação em todo o dia.” Salmo 119:97

    13 – Não se pode mudar.
    “É mais fácil passar o céu e a Terra do que cair um til da lei.” Lucas 16:17

    14 – Não foi ab-rogada por Cristo.
    “Não cuideis que vim destruir a lei ou os profetas; não vim ab-rogar, mas cumprir. Porque em verdade vos digo que, até que o céu e a Terra passem, nem um jota se omitirá da lei sem que tudo seja cumprido.” Mat.5:17 e 18.

    15 – Não foi abolida.
    “Anulamos, pois, a lei pela fé? De maneira nenhuma, antes estabelecemos a lei.” Rom. 3:31

    16 – Contém um Sábado semanal.
    Lembra-te do dia do Sábado, para o santificar. Seis dias trabalharás, e farás toda a tua obra, mas o sétimo dias é o Sábado do Senhor teu Deus; não farás nenhuma obra, nem tu, nem teu filho, nem tua filha, nem o teu servo, nem a tua serva, nem o teu animal, nem o teu estrangeiro, que está dentro das tuas portas. Porque em seis dias fez o Senhor os céus e a Terra, o mar e tudo que nele há, e ao sétimo dias descansou; portanto abençoou o Senhor o dia do Sábado, e o santificou.” Êxodo 20:8-11.

    17 – O Sábado semanal é um monumento comemorativo da criação, e é eterno.
    “O sétimo dia é o Sábado do Senhor teu Deus… Porque em seis dias fez o Senhor os céus e a Terra, o mar e tudo que neles há, e ao sétimo dia descansou.” Exodo 29:10 e 11.
    “Entre Mim e os filhos de Israel será um sinal para sempre: porque em seis dias fez o Senhor os céus e a Terra, e ao sétimo dias descansou, e restaurou-Se”. Exodo 31:17.

    18 – Cristo veio engrandecer a lei.
    “O Senhor Se agradou à causa da justiça Dele: engrandecerá Ele a lei, e a fará ilustre.” Isaías 42:21 (Trinitária.)

    19 – Deve ser observada por todos.
    “Se queres, porém, entrar na vida, guarda os mandamentos.” Mat. 19:17.
    “A circunsisão é nada, e a incircuncisão nada é, mas sim a observância dos mandamentos de Deus.” I Cor. 7:19.
    20 – É a norma do juízo.
    “Porque qualquer que guardar tôda a lei, e tropeçar em um só ponto, tornou-se culpado de todos. Porque Aquele que disse: Não cometerás adultério, também disse: Não matarás. Se tu pois não cometeres adultério, mas matares, estás feito transgressor da lei. Assim falai, e assim procedei, como devendo ser julgado pela lei da liberdade.” Tiago 2:10 e 12.

    Segunda série – A lei cerimonial ou a Lei de Moisés.

    1 – Foi denominada a lei de Moisés.
    “Disseram a Esdras, o escriba, que trouxesse o livro da lei de Moisés, que o Senhor tinha ordenado a Israel.” Neemias 8:1.
    “Alguns, porém, da seita dos fariseus, que tinham crido, se levantaram, dizendo que era mister circuncidá-los e mandar-lhes que guardassem a lei de Moisés.” Atos 15:5.

    2 – Foi chamada a cédula das ordenanças.
    “Havendo riscado a cédula que era contra nós nas suas ordenanças, a qual de alguma maneira nos era contrária, e a tirou do meio de nós, cravando-a na cruz.” (nota – a tradução Trinitária diz: “Riscado o escrito que havia contra nós em ordenanças, o qual nos era contrário: e o tirou do meio, encravando-o na cruz.”)
    “Na Sua carne desfez a inimizade, isto é, a lei dos mandamentos que consistia em ordenanças.” Efésios 2:15

    3 – Foi dada depois da queda do homem.
    “Sendo a lei a sombra dos bens futuros, e não a imagem exata das coisas, nunca, pelos mesmos sacrifícios que continuamente se oferecem cada ano, pode aperfeiçoar os que a eles se chegam.” Hebreus 10:1.
    “Que é uma alegoria para o tempo presente, em que se oferecem dons e sacrifícios… consistindo somente em manjares, e bebidas, e várias abluções e justificações da carne, impostas até o tempo da correção.” Hebreus 9:9e 10.

    4 – Foi promulgada por Moisés.
    “Esta é pois a lei que Moisés propôs aos filhos de Israel. Estes são os testemunhos, e os estatutos, e os juízos, que Moisés falou aos filhos de Israel, havendo saído do Egito.” Deut. 4: 44 e 45.

    5 – Foi escrita por Moisés.
    “Moisés escreveu todas as palavras do Senhor.” Exodo 24:4.
    “E Moisés escreveu esta lei, e a deu aos sacerdotes, filhos de Levi.” Deut. 31:9

    6 – Foi escrita num livro.
    “E aconteceu que, acabando Moisés de escrever as palavras desta lei num livro, até de todo as acabar.” Deut.31:24.

    7 – Foi colocada ‘ao lado’ da arca.
    “Deu ordem Moisés aos levitas que levavam a arca do concerto do Senhor, dizendo: Tomais este livro da lei, e ponde-o ao lado da arca, do concerto do Senhor vosso Deus, para que ali esteja por testemunho contra ti.” Deut. 31: 25e 26.

    8 – Nenhuma coisa aperfeiçoou.
    “Pois a lei nenhuma coisa aperfeiçoou, e desta sorte é introduzida uma melhor esperança.” Hebreus 7:19

    9 – Era uma sombra das coisas futuras.
    “Porque tendo a lei a sombra dos bens futuros, e não a imagem exata das coisas”. Hebreus 10:1.

    10- Tinha apenas a sombra dos bens. –
    “Porque tendo a lei a sombra dos bens futuros, e não a imagem exata das coisas, nunca, pelos mesmos sacrifícios que continuamente se oferecem cada ano, pode aperfeiçoar os a que a eles se chegam.” – Hebreus 10:1.

    11 – Não era espiritual –
    “Consistindo somente em manjares, e bebidas, e várias abluções e justificações da carne, impostas até ao tempo da correção.” – Hebreus 9:10.

    12 – Era-nos contrária –
    “Havendo riscado a cédula que era contra nós nas suas ordenanças, a qual de alguma maneira nos era contrária, e a tirou do meio de nós, cravando-a na cruz.” – Colossenses 2:14.

    13 – Foi mudada por necessidade –
    “Porque, mudando-se o sacerdócio, necessariamente se faz tambem mudança na lei.” – Hebreus 7:12

    14 – Foi cravada na cruz –
    “Havendo riscado a cédula que era contra nós, nas suas ordenanças, a qual de alguma maneira nos era contrária, e a tirou do meio de nós, cravando-a na cruz.” – Colossenses

    15 – Foi desfeita por Cristo –
    “Na Sua carne desfez a inimizade, isto é, a lei dos mandamentos, que consistia em ordenanças.” – Efésios 2:15

    16 – Tinha sábados anuais –
    “No mês sétimo, ao primeiro do mês, tereis descanso (Sábado), memória de jubilação, santa convocação.” – Levítico 23:24.
    “Mas aos dez deste mês sétimo, será o dia da expiação: tereis santa convocação.” – Levítico 23:27
    “Sábado de descanso vos será; então afligireis as vossas almas: aos nove do mês à tarde.” – Levítico 23:32
    “Porém aos quinze dias do mês sétimo… celebrareis a festa do Senhor por sete dias; ao dia primeiro haverá descanso, e ao dia oitavo heverá descanso (Sábado). “ – Levítico 23:39

    17 – O Sábado anual cessou com a cruz –
    “Havendo riscado a cédula que era contra nós nas suas ordenanças, a qual de alguma maneira nos era contrária, e a tirou do meio de nós, cravando na cruz.”
    “Portanto ninguém vos julgue pelo comer, ou pelo beber, ou por causa dos dias de festa, ou da Lua nova, ou dos sábados, que são sombras das coisas futuras, mas o corpo é de Cristo.” – Colossenses 2:14 e 17.

    18 – Cristo veio para ab-rogá-la.
    “Porque o precedente mandamento é ab-rogado por causa da sua fraqueza e inutilidade. (Pois a lei nenhuma coisa aperfeiçoou) e desta sorte é introduzida uma melhor esperança.” – Hebreus 7:18 e 19.

    19 – Não necessita de ser guardada –
    “Levantaram-se, porém, alguns que tinham crido, da seita dos fariseus, dizendo: “Que é necessário circundidá-los, e mandar-lhes que guardem a lei de Moisés.”
    “Porquanto ouvimos, que alguns, que saíram dentre nós, vos perturbaram com palavras, pevertendo as vossas almas, dizendo que devieis circuncidar-vos, e guardar a lei, aos quais não demos ordem.” Atos 15:5 e 24. (Trinitária.)

    20 – Não é a norma do juízo –
    “Portanto ninguém vos julgue pelo comer, ou pelo beber, ou por causa dos dias de festa, ou da Lua nova, ou dos sábados, que são sombras as coisas futuras, mas o corpo é de Cristo.” – Colossenses 2: 16-17

    Podemos fazer uma comparação simples para entender mais claramente a questão da existência ou não Lei de Deus.
    A Bíblia fala que “pecado é a transgressão da LEI”.
    Ora, se a Lei tivesse sido abolida por Jesus, não haveria mais pecadores (pela simples inexistência da Lei, segundo presumem alguns mal informados) porque aonde não há Lei também não há pecado. Então, se fosse assim, a salvação seria automática para todos, independente de qualquer atitude religiosa ou a ausência dela. E nem de um Salvador nós necessitaríamos, por não sermos nós então, pecadores. No entanto alguns andam pervertendo e ensinando que não há Lei a ser obedecida. Imagine a Terra depois de restaurada pelo Criador depois de Sua Segunda vinda para o dia do Juízo e Salvação, vivendo sem a Lei de Deus. Você vai poder matar, roubar, etc, na Nova Terra? Terra sem Lei? Só nos filmes de faroeste!

    Da comparação acima (em destaque nos quadros) vemos claramente que a Palavra de Deus fala de duas leis, uma imutável e eterna, e a outra temporária e provisória. Uma se baseia nos eternos princípios que fundamentam o governo de Deus, ao passo que a outra era a “lei dos mandamentos que consistia em ordenanças” e necessariamente desapareceu quando o sistema sacrifical cessou, na cruz. Estas duas leis não podem ser a mesma, pois uma lei não pode aos mesmo tempo ser eterna e ser abolida.
    Deus deseja um serviço voluntário e obediente. Diz Ele “Se quiserdes, e ouvirdes, comereis o bem desta terra. Mas se recusardes, e fordes rebeldes, sereis devorados à espada; porque a bôca do Senhor o disse.” – Isaías 1:19-20. Ele não nos impele por violência, mas mediante Seu Espírito, suplica-nos que Lhe obedeçamos.
    Não somos salvos pela observância dos mandamentos; mas guardamo-los porque estamos sendo salvos. A obediência é o fruto da salvação. Disse Jesus: Vós sereis Meus amigos, se fizerdes o que Eu vos mando.” – João 15:14. Nossa esperança de vida eterna resume-se em Jesus Cristo, cujo sangue, unicamente, nos pode purificar de nossos pecados. Ele é o nosso único Salvador; mas quando nos entregamos a Ele, a obervância de Seus mandamentos se tornará para nós um gôzo, pois temos prazer em obedecer-Lhe. Disse o salmista: “!Oh quanto amo a Tua lei! É a minha meditação em todo o dia.” Salmo 119:97.

  4. Isabel Viana disse:

    A paz de Jesus! Explicação sobre a lei
    Estamos na luz da verdade e não digo isso pq acredito que o povo de Deus seja só o da Igj.Adventista ms tb os irmãos batista do setimo dia e todos aqueles que não se deixam enganar por apostasias permitindo a luz da verdade entendo q somos salvos exclusivamente pela graça de Deus mediante a nossa fé ou seja: pelo sacrificio de Jesus recebendo-o e estando nele, crendo em Deus, recendo-o vivendo nele, e porque o amamos nos santificamos nele e nos abstinado de pecar, amamos nosso próximo como a nós mesmos, confirmamos no batismo sob céu e terra q aceitamos a cristo e seu sacrifio q nascemos para filhos de Deus e morremos para o pecado,
    agora batizados mortos para o pecado andamos em novidades do espirito santo santificando-nos e amando Deus sob todas as coisas e o próximo como a nos mesmo estaremos assim estaremos cumprindo toda a lei: pois 4 madamentos de amor para com Deus, 6 para com próximo desde que não transgredimos nenhum estaremos mortos para o pecado e estaremos em perfeita liberdade, estaremos assim mortos para a lei: pois ela n pode trazer condenação sob nós pq não há trasgressão, e é isso q deus quer que estejamos mortos para a lei, não pq ela foi abolida pq não foi, mas pq nos tornemos filhos obdientes, irrepreensíveis ponto de não precisarmos da lei, porem se transgredimos mesmo 1 madamento Ela continua vigente, devemos então nos arrepender se voltar a cristo ele nos purifica e limpa de todo o pecado, mas se não nos arrependermos e n nos lavarmos em seu sangue e permanecer nele que é centro da vida, graça de Deus, da remissão e salvação
    então se confirma o q diz toda a bibia: o salário do pecado é a morte: como poderemos entrar na vida (em Cristo) se vivemos pecando??isso o q quis dizer o apostolo Paulo e os e os outros apóstos) se cometemos transgressão 1 João 3:4, Rom:7:7, mesmo em 1 mendamameto lá emTiago: seremos culpados por todos..ai mais uma importancia de guardar o Sabado, o dia do criador..
    em 1 João 3:4 diz q pecado é a trasgreção da lei e isso em acordo com toda a biblia, então pra lei (decamo não lei serimonial) ser abolida: não existiria mais pecado (contrariando a propria biblia), e se não existesse mais pecado..então pra que o sacrificio de Jesus??? entendeu pq o inimigo faz pra pisar no 2º e 4º madamento? A questão é pedir auxilio a Deus pelo Esp. Santo e entender o q os apóstolos querem dizer assim a bíblia inteira passa a fazer sentido e não fica tão difícil escolher o caminho “o difícil não é ser salvo, basta crer e aceitar o sacrificio de Jesus o dificil é se manter salvo” é estar é se manter é viver em Jesus
    Como se manter em Jesus estando incessantemente em pecado em contrario daquilo q ele veio morrer?.. Entendendo muitas coisas na bíblia passa a fazer sentido e o caminho q n vai te contrariar a salvação..
    em Apocalipsse 19:11 diz sob a forma de julgamento assim: “E abriu-se a arca do concerto e ouve vozes e trovões” e o que sempre teve na arca do concerto ta la em exodo e em grande parte da biblia: as tabuas dos des madament. como Deus pediu a moises q fizesse segundo o q ele viu no templo do céu..Heb, exodo, lev..Isso significa q sempre existiu os 10 mandamentos no céu e mesmo pros Anjos!!..Agora imagina quem mais pode ter raiva e odio contra a obdiencia aqui na terra: é claro o Anjo rebelde e com isso sai a enganar a muito..só q se vc perceber em apocalipse 14:12 assim q acaba da falar sob isso fala sob o povo santo os q persistiram até o fim e não receberam o sinal da besta: Aqui esta a paciência dos santos, aqui estão os q guardam os mandamentos de Deus e tem a fé em Jesus..

  5. maxsuel burle disse:

    ola pessoal o dono deste site ou quem colocou as materias de falsos pastores , etc… esta seguindo ainda os farizeus , ele dis que dizimo esta em vigor , tem que guardar os sabados , pelo amor de deus , para de enganar o povo de deus .estamos sobre a graça de jesus.. trate de vcs deste site procure mais estudos na propia biblia..

  6. Magno disse:

    O maxsuel se estou na Graça(Ká pra nós não se confunda com O DE GRAÇA TÁ?!) eu posso fazer o que quiser? Roubar, matar, adulterar, desonrar pai e mae. Olha um policial iria em sua casa por roubar? Claro que sim.Por matar também. Por adulterar(digo não só ficar com a mulher dos outros, mas tambem adulterar documentos) iria tembem. Agora eu te pergunto: algum policial já foi em sua casa por guardar o sabado? Nunca foi, nem irá. sabe por que ? Fique bem claro que o sabado não é uma doutrina humana. É o sabado uma instituiçao divina. “Santificai os meus sabados pois SERVIRÃO DE SINAL entre mim e vós, para que SAIBAIS que Eu sou o Senhor , vosso Deus.” Ezequiel 20:20. Servirão de sinal para que SAIBAIS. Meu querido vc quer discutir guarda de sabado com o ALTISSIMO. Ele mesmo falou que seria um sinal entre Ele e seu povo.VC vai contestar o que Deus altissimo falou? Estou no tempo da graça sim e a hora em que a porta da Graça se fechar?! esteja eu pronto oou não Ele, Jesus, virá. Só pra te informar: Fariseu tinha (ou tem?) a mania de apontar pecados dos outros e dizer que não cometia. Dizimo é questão de fidelidade com Deus e para a pregação de Seu evangelho. Portanto não adianta falar com vc que é pecador como eu, se eu não pensar que tambem sou pecador. E eu sou pecador perante Deus e todos os outros. Guardar sabado vc não vai entender nunca. Só mesmo aprendendo a guarda-lo. e mais uma coisa: Eu guardo a lei por que a graça me alcançou. Portanto: viver dizendo que está na graça e não obedece a Deus, vc então tem outra concepção das coisas divinas. A Bilblia diz que aquele que ama a Deus e nã oguarda os seus mandamentos é mentiroso e nele não está a verdade. I Joao 2;3-4. eu não quero generalizar isso. É apenas uma observação clara e evidente de que a Biblia não pode ser lida apenas em um verso e tiramos dali dedução de homens.” A lei e ao testemunho. Se não falarem desta maneira, jamais veram a alva. Jamais verão o céu. Jamais entrarão na presença de Deus. Será que temos conscienca disto? Onde está o temor a Deus? Percebe o que vc disse nesse blog? Uma coisa eu te digo: se tem falso profeta(Isaias 9:15), existe o verdadeiro. Portanto procure saber se a Biblia lhe responde tudo. Leia os dez mandamentos pergunte ao seu pastor se ele ensina isto a vc. Mais especialmente ao quarto mandamento, o unico mandamanto que aponta a adoração a Deus em “descanso” nEle e com Ele. O unico mandamento que aponta a Deus como criador de tudo. Retira -se este quarto mandamento e ficamos como que perdidos. A ciencia quer provar que o homem veio do macaco. O quarto mandamento mostra que Deus é o meu criador(Salmo 139), que Deus é que rege esse universo, que Deus é mantenedor de todas as coisas, e que Ele quer um dia exclusivo de adoração a Ele. Olha Deus não força ninguem a guardar o sabado. Ele quer que sejamos obedientes por amor. Tente um dia guardar o sabado e verá quão diferente vc vai ficar. lembrete: Sabado é memorial da criação. Memorial de um Deus criador.Alias guarde todos os 10, por que o que tropeçar em um só ponto será culpados de todos. Tiago 2:10.
    Um abraço.

  7. quando jesus falou (Ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas! pois que dizimais a hortelã, o endro e o cominho, e desprezais o mais importante da lei, o juízo, a misericórdia e a fé; deveis, porém, fazer estas coisas, e não omitir aquelas. Mateus 23:23, Lucas 11:42.) ele tava na lei ainda ele não tinha morrido por isto o dizimo era para a tribo de israel não para nós esta escrito no novo testamento mais se passava na lei e não na graça.

Deixe uma resposta

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s