A Verdade da Ressurreição dos Mortos Parte 2

Capitulo 2 A Ressurreição dos Mortos


A) A Ressurreição dos santos (Para a vida Eterna)

ressurreicao3

“Não vos maravilheis disto; porque vêm a hora em que todos os que estão nos sepulcros ouvirão a sua voz. E os que fizeram o bem sairão para a ressurreição da vida; …” João 5:28-30.

“…e não receberam o sinal em suas testas nem em suas mãos; e viveram, e reinaram com Cristo durante mil anos… Esta é a primeira ressurreição. Bem-aventurado e santo aquele que tem parte na primeira ressurreição; sobre estes não tem poder a segunda morte; mas serão sacerdotes de Deus e de Cristo, e reinarão com ele mil anos”. Apocalipse 20:4-6.

8- OS MORTOS VÃO VOLTAR A VIVER? VÃO ACORDAR DE SEU SONO ALGUM DIA?

Sim. O próprio Jesus afirmou isto!

“Não vos maravilheis disto; porque vem a hora em que todos os que estão nos sepulcros ouvirão a sua voz. E os que fizeram o bem sairão para a ressurreição da vida; e os que fizeram o mal para a ressurreição da condenação. Eu não posso de mim mesmo fazer coisa alguma. Como ouço, assim julgo; e o meu juízo é justo, porque não busco a minha vontade, mas a vontade do Pai que me enviou”. João 5:28-30.

Paulo também afirma isto:

“Porque o mesmo Senhor descerá do céu com alarido, e com voz de arcanjo, e com a trombeta de Deus; e os que morreram em Cristo ressuscitarão primeiro”. I tess. 4:16

9- QUANDO RECEBERÁ O HOMEM O DOM DA IMORTALIDADE?

jesusvolta1

I Tessalonicenses 4:13-18 tem a resposta:

“Não quero, porém, irmãos, que sejais ignorantes acerca dos que já dormem, para que não vos entristeçais como os demais, que não têm esperança. Porque, se cremos que Jesus morreu e ressuscitou, assim também aos que em Jesus dormem, Deus os tornará a trazer com ele. Dizemo-vos, pois, isto, pela palavra do Senhor: que nós, os que ficarmos vivos para a vinda o Senhor, não precederemos os que dormem. Porque o mesmo Senhor descerá do céu com alarido, e com voz de arcanjo, e com a trombeta de Deus; e os que morreram em Cristo ressuscitarão primeiro. Depois nós, os que ficarmos vivos, seremos arrebatados juntamente com eles nas nuvens, a encontrar o Senhor nos ares, e assim estaremos sempre com o Senhor. Portanto, consolai-vos uns aos outros com estas palavras.”

“A trombeta soará, os mortos ressuscitarão incorruptíveis e nós seremos transformados. Porque é necessário que este corpo corruptível se revista de incorruptibilidade, e que o corpo mortal se revista de imortalidade.” I Corintios 15:52 e 53.

B) A Ressurreição dos ímpios (Para destruição)

Ressurreição dos Maus2

10- E A RESSURREIÇÃO DA CONDENAÇÃO CITADA POR JESUS EM JOÃO 5:28-30?

Ocorrerá mil anos após a segunda vinda. Quem ressuscitar nela não terá a vida eterna, mas sofrerá o juízo da segunda morte. Abaixo em verde sublinhado está narrada a sorte dos que participam da 1° ressurreição e em vermelho itálico dos que participam da 2° ressurreição.

“E vi tronos; e assentaram-se sobre eles, e foi-lhes dado o poder de julgar; e vi as almas daqueles que foram degolados pelo testemunho de Jesus, e pela palavra de Deus, e que não adoraram a besta, nem a sua imagem, e não receberam o sinal em suas testas nem em suas mãos; e viveram, e reinaram com Cristo durante mil anos.

Mas os outros mortos não reviveram, até que os mil anos se acabaram.

Esta é a primeira ressurreição. Bem-aventurado e santo aquele que tem parte na primeira ressurreição; sobre estes não tem poder a segunda morte; mas serão sacerdotes de Deus e de Cristo, e reinarão com ele mil anos.

E, acabando-se os mil anos, Satanás será solto da sua prisão, E sairá a enganar as nações que estão sobre os quatro cantos da terra, Gogue e Magogue, cujo número é como a areia do mar, para as ajuntar em batalha. E subiram sobre a largura da terra, e cercaram o arraial dos santos e a cidade amada; e de Deus desceu fogo, do céu, e os devorou. E o diabo, que os enganava, foi lançado no lago de fogo e enxofre, onde está a besta e o falso profeta; e de dia e de noite serão atormentados para todo o sempre.

E a morte e o inferno foram lançados no lago de fogo. Esta é a segunda morte. (Apocalipse 20:4-10).

Após este acontecimento é feita a Nova terra para os que foram ressuscitados na primeira ressurreição, durante a segunda vinda. Deles, dos salvos, esta escrito:

“O VENCEDOR, DE NENHUM MODO SOFRERÁ DANO DA SEGUNDA MORTE”. Apocalipse 2:11.

O objetivo desse livreto não é estudar sobre a segunda vinda, o milênio e a Nova Terra. Peça um estudo bíblico se tiver interesse em saber mais. No entanto a primeira e a segunda ressurreição são acontecimentos históricos definidos pela Bíblia como estando no futuro. Abaixo vai um resumo dos eventos finais para que o leitor entenda a ordem dos acontecimentos. Leiam os textos bíblicos, se possível, pois eles não são dados para enfeite:

Resumo dos Eventos Finais:

1- Na Segunda Vinda, Jesus aparece nas nuvens do Céu com o exército angelical (Apoc 1:7, Mateus 24:31).

2- Santos são ressuscitados e santos vivos são transformados.

3- Ambas as classes são levadas aos Céus I Tessalonicenses 4:14-17).

4- A Terra é destruída e fica sem habitantes humanos (Jeremias 25:30-33).

Durante o Milênio

5- Santos julgam o mundo (impios e anjos maus) e reinam com Cristo no Céu. (Cor 6:2-3, Apoc 20:6).

6- Satanás e seus anjos ficam presos a Terra desolada que voltou a ser um abismo, (Apoc 20:3) a mesma qualidade que tinha antes da criação. (Gen. 1:2)

Fim do Milênio

7- Nova Jerusalém desce do céu com todos os santos (Zacarias 14:4-6)

8- Jesus ressuscita os impios. Esta é a ressurreição da condenação que leva a segunda morte. (João 5:29, Apoc 2:11 e 20:5)

9- Satanás seduz os impios ressuscitados para invadir a Nova Jerusalém conquistando o Reino pela força. (Apoc 20:7-8)

10- Eles marcham pela superfície da Terra, fogo desce do céu e são consumidos. Cada um sofrerá de acordo com o julgamento que os santos fizeram durante os mil anos. (Apoc 20:9)

Nova Terra

11- Deus faz a Nova Terra (Apoc 21) após a destruição dos impios, de Satanás e seus anjos.

11- RESSURREIÇÃO É O MESMO QUE REENCARNAÇÃO? A REENCARNAÇÃO É UM ENSINO BÍBLICO?

Não são a mesma coisa. A ressurreição é o corpo voltar a vida. Os mortos voltarão à existência mediante a ressurreição. A ressurreição‚ uma nova criação do homem.

Deus vai novamente soprar o fôlego da vida sobre o pó e ele novamente se tornará alma vivente. Os salvos ressuscitaram com seus corpos transformados. Já a doutrina da reencarnação ensina que o homem é composto de matéria (corpo físico) e espírito/alma. Por ocasião da morte o espírito se separa da matéria (desencarna). Como os espíritas crêem que o espírito necessita viver muitas vidas para se aperfeiçoar, este necessita reencarnar várias vezes, nascendo em corpos diferentes, mas a palavra de Deus é clara em dizer que o homem morre uma única vez, e não muitas vezes como ensina a doutrina da reencarnação.

“E como aos homens está ordenado morrerem uma vez, vindo depois disso o juízo,” Hb 9:27

Capitulo 3 Quem são os Espíritos do Espiritismo?

espiritos-desencarnados

12- Podem os vivos se comunicar com os mortos? Com quem os espíritas se comunicam em suas sessões? O que a Bíblia diz sobre a prática de consultar os mortos para saber o futuro (necromância)

Como vimos nas perguntas 5 e 6 os mortos, estão dormindo, sem consciência e não sabem o que ocorre neste mundo, não podendo se comunicar com os vivos, tão pouco prever o futuro. Então com quem realmente se comunicam as pessoas que buscam nas sessões espíritas entrevista com seus parentes falecidos?

  1. A Palavra de Deus identifica o culto aos mortos como culto aos demônios:

Salmo 106:28, 36-38: “Também se apegaram a Baal-Peor, e comeram sacrifícios oferecidos aos mortos… Serviram aos seus ídolos, que vieram a ser-lhes um laço; sacrificaram seus filhos e suas filhas aos demônios; e derramaram sangue inocente, o sangue de seus filhos e de suas filhas, que eles sacrificaram aos ídolos de Canaã; e a terra foi manchada com sangue”.

I Cor. 10:20 “As coisas que os gentios sacrificam, as sacrificam aos demônios, e não a Deus. E não quero que sejais participantes com os demônios.”

  1. Portanto Deus deixou várias advertências contra a pratica da necromância (arte de adivinhar pela invocação do espírito dos mortos.), pois esta prática coloca o homem em contato com os demônios.

Lev. 19:31: “Não vos voltareis para os que consultam os mortos nem para os feiticeiros; não os busqueis para não ficardes contaminados por eles. Eu sou o Senhor vosso Deus”.

Deut. 18:10-12: “Não se achará no meio de ti quem faça passar pelo fogo o seu filho ou a sua filha, nem adivinhador, nem prognosticador, nem agoureiro, nem feiticeiro, 11 nem encantador, nem quem consulte um espírito adivinhador, nem mágico, nem quem consulte os mortos pois todo aquele que faz estas coisas é abominável ao Senhor, e é por causa destas abominações que o Senhor teu Deus os lança fora de diante de ti”.

Lev. 20:6: “Quando uma alma se virar para os adivinhadores e encantadores, para se prostituir após deles, Eu porei a Minha face contra aquela alma, e a extirparei do meio do seu povo.”

Lev 19:26: “Não comereis coisa alguma com o sangue; não usareis de encantamentos, nem de agouros”.

Isa. 8:19: “Quando vos disserem: Consultai os que têm espíritos familiares e os adivinhos, que chilreiam e murmuram entre dentes; – não recorrerá um povo ao seu Deus? A favor dos vivos interrogar-se-ão os mortos?”.


13- COMO EXPLICAR O CAPÍTULO 28 DE I SAMUEL ONDE O TEXTO DÁ A ENTENDER QUE SAUL CONVERSOU COM O ESPÍRITO DE SAMUEL?

saul-e-a-feiticeira-de-en-dor

“Samuel disse a Saul: Por que me inquietaste, fazendo-me subir? Então disse Saul: Mui angustiado estou, porque os filisteus guerreiam contra mim, e Deus se tem desviado de mim, e não me responde mais, nem pelo ministério dos profetas, nem por sonhos; por isso te chamei a ti, para que me faças saber o que hei de fazer.” I Sm 28:15

Muitos estudiosos da Bíblia ficam perplexos com relato da visita de Saul a mulher de En-dor. Principalmente por que o texto bíblico dá a entender que a Escritura afirma que o espírito fosse Samuel. Mas quando o texto menciona o nome de Samuel, não está afirmando que é ele mas expressa a crença de Saul e os demais que ali estavam que realmente criam que era Samuel. Como podemos entender que não era Samuel, que estava ali, se o texto menciona que Samuel conversou com Saul?

O que temos aqui é algo semelhante ao que ocorreu no diálogo de Eva e a serpente. O texto atribui toda a obra de engano a serpente. Apocalipse 9 identifica Satanás com a serpente de Gênesis 3: “E foi precipitado o grande dragão, a antiga serpente, que se chama o Diabo e Satanás, que engana todo o mundo; foi precipitado na terra, e os seus anjos foram precipitados com ele.” Ap. 12:9

Em ambos os casos Satanás era o responsável pela manifestação sobrenatural, mas o texto bíblico se refere nos dois casos, apenas aos objetos de engano (no caso a serpente e Samuel). Se a pratica da necromância (arte de adivinhar pela invocação do espírito dos mortos) é um culto aos demônio e abominável a Senhor, e se suponhamos que Samuel estivesse no Céu, jamais a feiticeira teria poder e autoridade para trazê-lo de lá. E O Senhor Deus não agiria por meio da feiticeira para se comunicar com Saul. “Ninguém poderá crer por um momento sequer que Satanás tivesse poder para chamar do Céu o santo profeta de Deus para honrar os enganos de uma mulher perdida. Tampouco podemos concluir que Deus o chamasse à caverna da feiticeira; pois o Senhor já Se havia recusado a comunicar-Se com Saul, por meio de sonhos, por Urim, ou por profetas”. I Sam. 28:6 Patriarcas e Profetas pg. 683.

Mas o espírito maligno convenceu Saul. A aparência do espírito, sua voz, suas maneiras eram as mesmas de Samuel. Satanás tem o poder de imitar a aparência das pessoas falecidas. Este poderoso engano leva milhões a crer que estão tendo uma entrevista com um ente querido falecido quando na verdade estão em franco diálogo com os demônios. “Ao mesmo tempo em que professam trazer os vivos em comunicação com os mortos, o príncipe do mal sobre eles exerce sua influência fascinante. Ele tem poder para fazer surgir perante os homens a aparência de seus amigos falecidos. A contrafação é perfeita; a expressão familiar, as palavras, o tom da voz, são reproduzidos com maravilhosa exatidão. Muitos são consolados com a afirmativa de que seus queridos estão gozando a ventura celestial; e, sem suspeita de perigo, dão ouvidos a “espíritos enganadores, e doutrinas de demônios”. Grande Conflito pg. 552

“A crença na comunicação com os mortos é ainda mantida, mesmo nos países professos cristãos. Sob o nome de Espiritismo, a prática de comunicar-se com os seres que pretendem ser os espíritos dos mortos, tem-se espalhado largamente. É ela calculada a ganhar as simpatias daqueles que depuseram seus queridos na sepultura. Seres espirituais algumas vezes aparecem a pessoas sob a forma de seus amigos falecidos, e relatam incidentes ligados com sua vida, e efetuam atos que realizavam quando vivos. Deste modo levam os homens a crerem que seus amigos mortos são anjos que pairam sobre eles, e com eles se comunicam. Aqueles que assim pretendem ser espíritos dos mortos, são considerados com certa idolatria, e para muitos sua palavra tem maior valor do que a Palavra de Deus. Patriarcas e Profetas pág. 684,685″.

Satanás e seus anjos não têm o poder de prever o futuro. Mas revelando coisas ocultas do passado dos entes falecidos e pela experiência que adquiriu através dos séculos, Satanás e seus anjos deduzem alguns acontecimentos futuros da vida.

“Satanás leva os homens a consultar os que têm espíritos familiares; e, revelando coisas ocultas do passado, inspira confiança em seu poder para predizer coisas vindouras. Pela experiência adquirida através dos longos séculos, ele pode raciocinar partindo das causas aos efeitos, e predizer muitas vezes, com certo grau de precisão, alguns dos acontecimentos futuros da vida do homem. Assim está ele habilitado a enganar pobres almas transviadas, e levá-las sob seu poder, e conduzi-las cativas à sua vontade”. Patriarcas e profetas pg. 687.

“Os pretensos visitantes do mundo dos espíritos algumas vezes proferem avisos e advertências que se demonstram corretos. Então, estando ganha a confiança, apresentam doutrinas que solapam diretamente a fé nas Escrituras. Com a aparência de profundo interesse no bem-estar de seus amigos na Terra, insinuam os mais perigosos erros. O fato de declararem algumas verdades e poderem por vezes predizer acontecimentos futuros, dá às suas declarações uma aparência de crédito; e seus falsos ensinos são tão de pronto aceitos pelas multidões, e tão implicitamente cridos, como se fossem as mais sagradas verdades da Bíblia”. Grande Conflito pg. 552.

Desta forma Satanás tem iludidos milhares de pessoas, através do Espiritismo. O espiritismo moderno tem se revestido de uma capa de cristianismo, se utiliza da Palavra de Deus, da figura de Jesus, e de seus ensinos, mas nega sua Divindade. Cristo, para o espiritismo é um mestre, um espírito num estado superior. Através de um grande trabalho de assistência aos necessitados procura se identificar com a obra de Jesus, retratada no evangelho. Todavia o Espiritismo tem feito a obra do Anticristo:

“Quem é o mentiroso, senão aquele que nega que Jesus é o Cristo? É o anticristo esse mesmo que nega o Pai e o Filho. Qualquer que nega o Filho, também não tem o Pai.” I João 2:22 e 23.

Satanás sabia que Saul havia rompido seu relacionamento com Deus. A derrota para os filisteus era certa. Predizendo que Saul seria morto, ele estava concluindo o resultado da batalha. Saul já entrou no campo de batalha derrotado, sem o favor de Deus e certo de que seria morto, como poderia inspirar seus soldados à vitória? A intenção do inimigo era conduzir Saul a morte e com o cumprimento da predição da feiticeira, levar os israelitas a deixar de confiar em Deus e buscar nEle a solução dos seus problemas e se voltar para os advinhos, se isto viesse acontecer, ele separaria Israel de seu Deus, e certamente viria sobre a nação a destruição.

Esta tem sido a obra do espiritismo moderno. Levar os homens a descrer da veracidade da Palavra Bíblica e crer inteiramente nos conselhos dos espíritos dos mortos. Mesmo se usando da Escritura para conquistar a simpatia dos cristãos, e tentando por meio dela provar suas doutrinas (como a reencarnação) os espíritas ensinam que em muitos aspectos a Bíblia não é digna de confiança. E os homens fascinados por manifestações sobrenaturais, desprezam completamente a palavra de Deus, para crer na palavra dos espíritos. Tem este engano acontecido não apenas nos círculos espiritualistas, como também e num número assustador, no meio pentecostal, onde o crente, deposita mais sua confiança na demonstração sobrenatural do suposto Espíriro Santo que nas evidências da Escritura Sagradas.

A palavra do Senhor ao antigo Israel é também dirigida a Seu povo nesta época: “Não vos virareis para os adivinhadores e encantadores; não os busqueis, contaminando-vos com eles” (Lev. 19:31); “pois todo aquele que faz tal coisa é abominação ao Senhor.” Deut. 18:12.

O argumento mais forte de que não foi Samuel quem pareceu a Saul foi que Saul morreu porque não guardara a palavra do Senhor e consultou e interrogou uma necromante. I Crônicas 10:13-14.

Veja A Verdade da Ressurreição dos Mortos Parte 3

Esse post foi publicado em Imortalidade da Alma e Temas Relacionados, Ressurreição dos Mortos e marcado . Guardar link permanente.

13 respostas para A Verdade da Ressurreição dos Mortos Parte 2

  1. Pingback: A Verdade da Ressurreição dos Mortos Parte 1 « Adventismo em Foco

  2. Pingback: Respostas sobre o Fogo Eterno na Bíblia Sagrada Parte 1 « Adventismo em Foco

  3. Pingback: Respostas sobre o Fogo Eterno na Bíblia Sagrada Parte 2 « Adventismo em Foco

  4. Pingback: 10 Razões Porque Mateus 25:46 Não Serve de Prova do Inferno de Fogo Infindável « Adventismo em Foco

  5. Pingback: 10 Razões Porque Apocalipse 20:10 Não Serve de Prova do Inferno Eterno « Adventismo em Foco

  6. Pingback: A Ressurreição de Moisés « Adventismo em Foco

  7. Pingback: A Ressurreição de Moisés « SÉTIMO DIA

  8. Emerson Araújo disse:

    Texto completamente preconceituoso.
    Os “evangélicos” sempre citam o velho testamento em suas pregações para enforcar a crença de muitos, são carrascos, nada mais. Esquecem-se porém que a verdade está baseada no novo testamento…Idolatria ao sábado e ainda dizer que os Espíritas são “diabólicos”. Que Deus tenha misericórdia de suas hipocrisias.

  9. Helena disse:

    Crer num Deus ambicioso, preocupado com a prosperidade material e ainda castigar à seus filhos com A PUNIÇÃO ETERNA, privilegiando uns em detrimento de outros, é no mínimo um conceito erroneo de um Ser Bom, Misericordioso e Justo.
    Misericórdia aos ignorantes da verdade da vida, pois eles não sabem o que fazem.Nos preocupemos mais com os valores espirituais que com os materiais, assim agradaremos ao Senhor.

  10. João Gabriel disse:

    É difícil tolerar uma instituição com ensinamentos que julgam outras religiões. Esta instituição deveria ter ética e conhecimento antes de criticar o trabalho realizado nas casas espíritas, não cabendo a ofensa citada usando a imagem de um respeitoso e humilde médium Chico Xavier. É digno de pena uma igreja que se julga verdadeira mas que renuncia a pluralidade de filosofias por receio de não ter sua “verdade” aceita. Deus é universal e existe em qualquer ato de fé, desde que esta fé tenha um propósito divino (algo que dificilmente a igreja evangélica tem demonstrado).

  11. Fernanda disse:

    Texto preconceituoso e sem muito embasamento!
    pesquise além de sua religião antes de fazer críticas. Não existe religião certa ou errada; É tudo questão de Fé!

  12. Pingback: Mhário Lincoln do Brasil » CASO OSMAR (PDT) E VERRI(PT)

  13. Pingback: A mentira da doutrina do Inferno | Adventismo em Foco

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s