Estamos preparados para enfrentar o diabo face à face, travestido de Maria e com a Bíblia na mão? Um Adventista não estava!

Na metade do século 19, Ellen White escreveu:

“Satanás tem poder para trazer perante nós a aparência de formas que pretendem ser nossos parentes ou amigos que dormem em Jesus. Fará parecer que se esses amigos estão efetivamente presentes; as palavras que proferiram enquanto estiveram aqui, com as quais estamos familiarizados, e o mesmo tom de voz que tinham quando vivos, cairá em nossos ouvidos. Tudo isso visa enganar o mundo e enredá-lo na crença deste engano.

“Vi que os santos precisam alcançar completa compreensão da verdade, a qual serão obrigados a sustentar pelas Escrituras. Precisam compreender o estado dos mortos; pois os espíritos dos demônios ainda lhes aparecerão, pretendendo ser amigos ou parentes amados, os quais lhes declararão doutrinas não escriturísticas. Farão tudo ao seu alcance para despertar simpatia e operarão milagres diante deles para confirmar o que declararam. O povo de Deus deve estar preparado para enfrentar esses espíritos com a verdade bíblica segundo a qual, os mortos não sabem coisa nenhuma, e que aqueles que lhes aparecem são espíritos de demônios [inclusive, o de pessoas mais chegadas a Jesus, como a Sua mãe, a Virgem Maria]…. Este engano espalhar-se-á, e com ele teremos de lutar face a face; e, a menos que estejamos preparados para isso, seremos enredados e vencidos. Mas se fizermos o que pudermos, pela nossa parte, a fim de estarmos prontos para o conflito que se acha precisamente diante de nós, Deus fará a Sua parte, e o Seu todo-poderoso braço proteger-nos-á. Mais depressa enviaria Ele todos os anjos da glória para fazerem uma barreira em redor das almas fiéis, do que consentir que sejam enganadas e transviadas pelos prodígios de mentira de Satanás.” (Primeiros Escritos, p. 262).

A Bíblia e o espírito de profecia repetidamente nos avisam sobre o maior engano de todos os tempos. Ellen White avisou que os adventistas enfrentariam aparições fabulosas que negariam os ensinamentos bíblicos. Infelizmente isso aconteceu ao pé da letra. Um adventista italiano, chamado Bruno, recebeu a visita de Lúcifer disfarçado em Maria e num passe de mágica desistiu de sua fé.

Ao centro, Bruno: adventista enganado por Lúcifer

Bruno Cornacchiola, um jovem adventista de 34 anos de idade, condutor de bonde em Roma, estava preparando um sermão para o culto de domingo à noite, quando presenciou uma surpreendente aparição de “Nossa Senhora”. Era sábado à tarde e Bruno estava sentado à sombra de eucaliptos numa área próxima à Abadia das Três Fontes, onde o apóstolo Paulo teria sido decapitado em Roma.

Segundo a tradição católica, a cabeça do apóstolo dos gentios teria rolado e tocado o solo por três vezes após a decapitação e, exatamente nesses locais, teriam surgido as Três Fontes.

Os três filhos de Bruno, Gianfranco, Carlo e Isola, de quatro, sete e dez anos, corriam pelo bosque e brincavam com uma bola, enquanto ele procurava passagens bíblicas para fundamentar seu sermão contra a adoração de Maria. Algum tempo depois, a bola desaparece e as crianças pedem a ajuda do pai para encontrá-la.

Enquanto procurava a bola, Bruno gritava o nome dos filhos para certificar-se de que continuavam onde os havia deixado. Lá pela quarta vez, Gianfranco, o garoto menorzinho não respondeu e Bruno voltou para procurá-lo. Quando o encontrou, estava próximo à gruta das três fontes, com as mãozinhas juntas, olhos fixos e dizendo: “Bela senhora, bela senhora!”

Bruno falou com ele, mas o garoto não reagiu. Aí o pai gritou pela filha Isola que veio correndo e também caiu de joelhos, dizendo as mesmas palavras. Com Carlos, o filho mais velho, aconteceu a mesma coisa. Bruno pensou até que estivessem brincando com ele.

Tentou levantá-los, mas não conseguiu porque estavam muito pesados. “Meu Deus, salva-nos!” foram as últimas palavras de Bruno antes que tudo se escurecesse e ele sentisse uma dor aguda nos olhos. Em seguida, mãos misteriosas lhe devolveram a visão e ele também caiu de joelhos.

Uma luz sobrenatural iluminou a gruta e logo se formou diante dele a figura de uma mulher de aparência humana, de cabelos negros, vestida com uma túnica branca, uma faixa cor-de-rosa à cintura e um grande lenço verde esmeralda sobre a cabeça. Uma intensa fragrância de rosas e lírios tomou conta do lugar. A forma feminina estava descalça e trazia um livro de capa escura sobre o peito: A Bíblia!

A suposta “Mãe de Deus” dirigiu então estas palavras a seu perseguidor: “Sou aquela que está na Trindade Divina. Sou a Virgem da Revelação. Tu me persegues. Mas agora, basta! Entra para o santo redil, a corte celeste na Terra. Obedece à autoridade do Papa”.

A “virgem” falou-lhe ainda sobre sua assunção ao Céu (dogma que naquele momento ainda não havia sido declarado por Roma) e explicou-lhe como poderia reconhecer dois sacerdotes que o ajudariam a “reconciliar-se com Deus e com o Papa”.

Segundo relatos católicos, “nessa primeira aparição da Virgem, foi-lhe infundido todo o conhecimento sobre nossa fé. A Virgem lhe pediu que se confessasse e reconciliasse com a Igreja, além de que rezasse muito pela conversão dos pecadores. Foram-lhe confiadas mensagens específicas para os sacerdotes, convidando-os a uma vida de maior obediência ao Magistério. Nossa Senhora da Revelação prometeu-lhe também que realizaria grandes milagres para a conversão dos incrédulos.”

Todos esses fatos ocorreram em 12 de abril de 1947. Em 7 de maio de 1947, Bruno e sua família abjuraram a fé adventista.

As aparições da ”Virgem da Revelação” desde então nunca cessaram. Milagres de cura e até incríveis fenômenos celestes marcaram o ministério de Bruno Cornacchiola frente ao SACRI (Schiere Arditi di Cristo Re Immortale), uma comunidade católica de caridade, piedade e apostolado leigo para homens e mulheres, fundada por ele, com ramificações nas cidades italianas de Gênova, Latina, Nápoli, Spoleto, Torino, Anzio, Narni, e até na Austrália.

Vejam que incrível: A Deusa que se opõe ao adventismo se chamou de “Nossa Senhora do Apocalipse” ou “Nossa Senhora da Revelação”.  O Apocalipse é justamente uma das bases do adventismo! Vejam! O poder de Lúcifer se manifestou vitorioso na vida de um adventista do sétimo dia que preferiu escutar a VISÃO que teve do que a Bíblia Sagrada! Estamos preparados para enfrentar a Crise que virá quando Satanás vir disfarçado de Cristo e seus anjos caídos virem como os apóstolos? Ou quando nossos parentes falecidos surgirem do nada nos pedindo para obedecer o Papa? Permaneceremos de pé ou seremos como Bruno? Tanta leitura da Bíblia precisa fazer a diferença quando os efeitos especiais da Disney se tornarem reais e as fadas surgirem negando nossa fé!

_________________

1- Milagres de Lúcifer Parte 1: Vampirismo – O milagre lanciano ou da Eucaristia

2- Milagres de Lúcifer Parte 2: Irmã Serafina tem visão de Lutero no Inferno

3- Milagres de Lúcifer Parte 3: A primeira aparição de “João Paulo II”

4- Milagres de Lúcifer Parte 4: Imagem de Deusa em Vidro de 18 Metros

5- Milagres de Lúcifer Parte 5: A Deusa de Naju na Coréia do Sul

6- Os Super Ataques de Lúcifer

7- Lúcifer se Transformará em Jesus

8- Lúcifer: Transformações em “Maria”: Parte 1, 2, 3 e 4.

9- O Que Satanás ensinará na sua vinda como Jesus Cristo?

Esse post foi publicado em Lúcifer e marcado , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

2 respostas para Estamos preparados para enfrentar o diabo face à face, travestido de Maria e com a Bíblia na mão? Um Adventista não estava!

  1. O QUE É MAIS ENGRAÇADO NESSA HISTÓRIA TODA É, Q UMA HORA A VIRGEM MARIA É CONTRA OS ADVENTISTAS, QUE TEM COMO REGRA E BASE CRER E PREGAR O SÁBADO BÍBLICO, E OUTRA HORA É A FAVOR REVELANDO-SE SER O SÁBADO UM SANTO DIA. ISSO É PARA ENGANAR TANTO OS QUE NÃO SÃO FIRMES NA FÉ, QUANTO OS QUE PARECEM FIRMES.

  2. o proprio Deus eterno nos fala ,que só devemos escutar oque ele tem a nos falar, em sua palavra (a biblia), e nos alerta em mateus 6:43-46 (como poderá uma arvore má dar boms futos?) mateus 24:5 (por que virao muitos dizendo ;eu sou o cristo ,e enganarão a muitos.) Nos devemos estar firmados na rocha (Jesus) para nao nos abalarmos com nada . joão 3:24 (aquele que guarda os meus mandamentos permanece em Deus , e Deus. nele. E nisto conhecemos que ele permanece em nós , pelo Espirito que nos deu.)

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s