Carta aos enganados que dizem que a Bíblia foi adulterada

santos na biblia

Existem muitos cristãos enganados, ateus convictos e muçulmanos que dizem que a Bíblia é indigna pois foi adulterada. O principal argumento utilizado para defender essa tese é que a Igreja Católica a alterou na antiguidade para favorecer a si mesma!

As pessoas que defendem isso demonstram desconhecer a História e a Bíblia. Elas dizem que a igreja Católica era a única igreja antes de surgir o protestantismo, o que não é verdade! As Igrejas Coptas, Armênias, indianas e etíopes nunca estiveram ligadas ao catolicismo e nunca fizeram promessa de obedecer ao Papa. Mesmo antes do protestantismo, o patriarca de Constantinopla (Istambul) condenou o papado como a instituição de Lúcifer e separou-se surgindo a Igreja Ortodoxa. Até hoje as igrejas ortodoxas gregas e russas odeiam o catolicismo.(Embora atualmente estejam sendo enganadas pelo ecumenismo para se reunificarem com o papado). Portanto a Igreja Católica não teria conseguido alterar a Bíblia sem chamar atenção dos demais cristãos não unidos a ela!

O outro fraco argumento é que a Igreja dos papas usa a Bíblia para sustentar suas doutrinas. Só pode dizer isso quem nunca leu a Bíblia. A Bíblia condena as imagens de escultura da Igreja Católica e o culto aos santos e anjos. A Bíblia condena que o domingo seja o principal dia de adoração, pois ensina que é o sábado. A Bíblia condena o batismo de crianças, pois somente convertidos, ou seja, aqueles que se arrependeram de seus pecados devem ser batizados e seguir a Cristo é uma escolha, não uma imposição!

Metade das escrituras condenam o catolicismo, como bem viram os protestantes, ortodoxos, anglicanos, adventistas e outros que mandaram a Igreja Católica pro inferno e saíram de lá! E alguns nunca estiveram lá, graças ao Pai! Então essa é a prova cabal que as escrituras são  A PALAVRA DE DEUS, inspirada por apóstolos e profetas e não foi adulterada pelo Papado.

A Igreja Católica sempre odiou a Bíblia e a proibiu nos países que conseguia mandar no REI:

Concílio de Toulouse, 1229: Canon 4: Aos leigos não é permitido adquirir os livros tanto do Antigo quanto do Novo Testamentos.” Hefele.

Hoje a Igreja Católica age como cordeirinho manso, tentando enganar os protestantes, dando “cursos bíblicos” em suas paróquias, o que não passa de ensino de suas doutrinas perniciosas para a mente e o coração. A Igreja Católica não ensina a Bíblia, mas suas TRADIÇÕES, inventadas por bispos e papas em seus concílios satânicos. Como bem disse Thomas Hobbes:

 

O poder espiritual do Papa (fora dos limites de seu próprio domínio civil) consiste apenas no medo, em que se encontra o povo seduzido, de ser excomungado, por ouvir os falsos milagres, as falsas tradições e as falsas interpretações das Escrituras.

Thomas Hobbes, O Leviatã página 499, editora Martin Claret.

 

 

Esse post foi publicado em Ateísmo, Bíblia, Islamismo. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s