O Culto a Maria

papa bento adora maria

O filme de Mel Gibson “A Paixão de Cristo” foi visto por milhares e milhares de evangélicos e muitos pastores conservadores entrevistados pela Christianity Today elogiaram o tratamento dado a Maria no filme. Cenas que não estão na Bíblia foram introduzidas para despertar uma reverência e amor a Maria. O culto e a adoração a Maria como praticado pela Igreja Católica é puro espiritualismo.

O espiritualismo tem dois elementos: a) a crença na vida após a morte; b) e que as pessoas vivas podem se comunicar com os mortos. A oração feita a Maria tem esses dois elementos, e a crescente tendência dos evangélicos abraçarem o culto a Maria é o principal passo na união com Roma. “Os protestantes dos Estados Unidos serão os primeiros a estender as mãos através da voragem para apanhar a mão do espiritismo; estender-se-ão por sobre o abismo para dar mãos ao poder romano; e, sob a influência desta tríplice união, este país seguirá as pegadas de Roma, conculcando os direitos da consciência” (O Grande Conflito, pág. 588).

A invocação da Virgem Maria e dos santos envolve três erros principais: 1) A Bíblia declara que todos os homens, justos e injustos, jazem inconscientes no pó da terra (Eclesiastes 9:5, 6, 10; Filipenses 2:10), de onde não sairão, os justos, senão na segunda vinda de Cristo, para receberem a recompensa (João 5:28, 29; II Timóteo 4:8). Cristo, os profetas e os apóstolos não criam que o justo ia para o céu ao morrer. “Ora ninguém subiu ao Céu senão O que desceu do Céu, o Filho do homem” (João 3:13). Como, então, podem os santos ouvir as nossas orações? 2) Ainda que os santos mortos pudessem ouvir as nossas orações, como poderíamos orar a eles, se Jesus, quando tentado pelo demônio, lhe disse: “Retira-te, Satanás, porque está escrito: Ao Senhor teu Deus adorarás, e só a Ele darás culto” (Mateus 4:10). 3) Ainda que os santos mortos estivessem no Céu, não poderíamos recorrer a eles como a medianeiros.

Ouvi o que diz a Palavra de Deus: “Mas Este (Jesus), porque permanece eternamente, tem um sacerdócio perpétuo. Portanto, pode também salvar perfeitamente os que por Ele se chegam a Deus vivendo sempre para interceder por eles” (Hebreus 7:24, 25). “Disse-lhe Jesus: Eu sou o caminho, a verdade e a vida; ninguém vai ao Pai senão por Mim” (João 14:6). “Porque há um só Deus, e há um só Mediador entre Deus e os homens, que é Jesus Cristo homem, o qual Se deu a Si mesmo para redenção de todos” (I Timóteo 2:5, 6).

Por Julio Cesar

Anúncios
Esse post foi publicado em Idolatria. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s